Bebê Elefante Recebeu Auxílio de Anjos Inesperados

PUBLICADO EM 05/18/2021
ANÚNCIO

Os elefantes são os maiores animais em terra. Eles também são considerados uma das espécies mais majestosas em todo o reino animal. Nos dias de hoje, as pessoas têm a chance de se aproximar de alguns desses grandes animais em zoológicos ou em parques de diversões. Alguns deles são capturados na natureza e criados seletivamente para que tenham traços e características desejáveis ​​para os humanos. Ainda assim, aqueles que cresceram na natureza preferem ser deixados sozinhos. Esses elefantes selvagens têm pouco ou nenhum contato com os seres humanos. Eles são independentes e geralmente hesitam e não confiam nos seres humanos. Mas talvez haja casos em que mesmo essa regra estrita deva ser deixada de lado. Certa vez, quando um elefante bebê encontrou um incidente tão infeliz, a manada de elefantes selvagens não teve escolha a não ser alertar os humanos que eles evitaram por tanto tempo. Uma equipe de resgate não poderia dizer não a esses animais majestosos e os eventos que se seguiram foram absolutamente incríveis.

Bebê Elefante Recebeu Socorro de Anjos Inesperados

Bebê Elefante Recebeu Socorro de Anjos Inesperados

Os elefantes indianos majestosos

Na Índia, há lugares rurais onde elefantes selvagens vagam livremente. Mesmo que raramente sejam vistos pelos habitantes locais, esses animais são descritos como majestosos e régios em todos os sentidos. Os residentes da comunidade aprenderam a viver ao lado desses elefantes selvagens com respeito mútuo pelo território uns dos outros. Dado seu próprio espaço, esses elefantes selvagens não são uma ameaça para os humanos. No entanto, uma vez que sentem que seus limites estão sendo ultrapassados, eles têm a capacidade de infligir danos indesejados. Para os visitantes que raramente veem manadas majestosas de elefantes, com certeza é um espetáculo para ser visto. Mas, como sempre, deve existir um limite.

Os elefantes indianos majestosos

Os elefantes indianos majestosos

Uma procissão de elefantes no extremo sul da Índia

O rio Urulanthanni fica localizado próximo ao extremo sul da Índia. É cercada por florestas exuberantes que abrigam uma manada de elefantes local. As feras vagam livres e selvagens. Os elefantes marcharam pelo terreno e os trabalhadores da região passaram a conhecê-los muito bem. Mesmo que sintam uma mistura de espanto e medo com a visão, os trabalhadores aprenderam a não incomodá-los. Cada vez que a manada passava, o solo parecia tremer sob seu peso. O som e a sensação podem ser comparados a um trem de carga se aproximando. Parece que eles sabiam de cor para onde estavam indo.

Uma procissão de elefantes no extremo sul da Índia

Uma procissão de elefantes no extremo sul da Índia

As lutas do bebê elefante

A majestosa procissão de elefantes estava em sua rotina normal até que algo inesperado ocorreu. Era um lindo dia e a poderosa manada estava a caminho da floresta perto do rio Urulanthanni. Para conseguir atravessar o rio, eles tiveram que atravessar a propriedade em terra. Esta parte da procissão é uma tarefa normal para os elefantes. No entanto, o bebê elefante ainda não estava acostumado a cruzar o rio. O elefante bebê era o menor animal do grupo. Este era 1/6 do tamanho de um elefante adulto. Durante o tempo em que a manada estava cruzando, o jovem elefante tropeçou e caiu no espaço oco entre a terra e o rio. Eles ainda estavam a alguns metros de distância da margem e o rio estava cheio de lama. O bebê elefante ficou incapaz de se mover. O resto da manada não sabia como recuperar o bebê caído. Dadas as circunstâncias, salvar o bebê elefante não seria nada fácil.

As lutas do bebê elefante

As lutas do bebê elefante

A angústia dentro do buraco

Em questão de segundos, o rebanho percebeu que o bebê corria um perigo terrível. Ele lutou para se levantar. Mover-se para dentro de um buraco profundo que era quase do mesmo tamanho que o corpo do elefante bebê estava drenando sua energia. Não tinha espaço suficiente para se mover decisivamente para cima. O que tornou a situação ainda pior foi a espessa camada de lama no fundo da cavidade. O bebê elefante sentiu o esforço de se mover no que parecia ser concreto molhado. Ele começou a chorar muito alto e a sua agonia podia ser sentida por todos os elefantes adultos da manada que estavam desesperados para ajudar o bebê! 

A angústia dentro do buraco

A angústia dentro do buraco

Os momentos terríveis

O resto da manada estava olhando para o bebê elefante durante o tempo em que ele lutava para se levantar, na esperança de encontrar apoio. Por alguns instantes, os elefantes adultos ficaram atordoados com o que aconteceu. Mas depois de alguns minutos, eles sabiam que tinham que fazer algo. Durante o tempo em que o jovem elefante lutava por sua vida, os outros se sentiram obrigados a fazer o que pudessem também. Eles não seriam capazes de ajudar o membro mais novo da família simplesmente olhando e esperando que ele pudesse levantar o próprio corpo com sucesso. Foi então que eles começaram a fazer barulho.

Os momentos terríveis

Os momentos terríveis

Os elefantes começaram a se sentir ansiosos

Os ruídos não pareciam ajudar. O elefante bebê estava mostrando sinais de fadiga e desesperança e a visão era bem difícil de suportar para os elefantes adultos. No instante em que o peso da situação começou a pesar sobre eles, o bebê ficou ainda mais desesperado uma vez que sentiu que precisava fazer algo. Os elefantes da manada começaram a andar de um lado para o outro. Eles não podiam só ficar lá e assistir a toda aquela situação.

Os elefantes começaram a se sentir ansiosos

Os elefantes começaram a se sentir ansiosos

Minutos transformados em horas

Examinando a pequena cavidade, os elefantes mais velhos sabiam que não poderiam entrar para salvar o elefante bebê. São animais naturalmente inteligentes e sabiam que isso apenas pioraria a situação. O tempo passou e ainda assim, os elefantes não sabiam exatamente o que fazer. Mesmo assim, à medida que os minutos se transformavam em horas, eles sabiam que o perigo ficava cada vez maior à medida que o jovem elefante começava a perder sua energia. A ideia de perder o membro mais novo da família era devastadora e, mesmo assim, parecia que eles não podiam fazer nada a respeito.

Minutos transformados em horas

Minutos transformados em horas

Ninguém ficaria para trás

Os elefantes são conhecidos por serem muito compassivos uns com os outros. Eles normalmente andam em grupos que os ajudam a sobreviver. Mesmo que o seu enorme tamanho possa ser visto como uma vantagem séria sobre os predadores, ainda há diversos animais perigosos na natureza que devem ser evitados. Como uma família, os elefantes podem ser vistos como um ótimo exemplo até mesmo para os seres humanos. Do mais velho ao mais novo, todos os membros na família são profundamente valorizados. Aonde quer que vão, eles enfatizam que ninguém deve ser deixado para trás. De modo natual, no momento em que um membro está em perigo, eles não param até que tudo esteja sob controle, mesmo que isso signifique arriscar as suas próprias vidas.

Ninguém ficaria para trás

Ninguém ficaria para trás

O calor aumentou a agonia

Toda a provação, de modo compreensível, colocou todo o rebanho em uma posição desesperadora. Eles não queriam deixar o jovem, mas tudo o que podiam fazer era andar de um lado para o outro e fazer barulho. Eles não estavam somente fazendo isso para obter ajuda – eles estavam fazendo isso por sua própria angústia. A lama na cavidade impedia o bebê elefante de se mover, ainda que quando empurrava com toda a força. No entanto, à medida que o calor do sol ficava mais forte, a lama espessa e úmida começou a endurecer. Parecia que o animal preso estava condenado.

O calor aumentou a agonia

O calor aumentou a agonia

Era quase impossível

Depois de algumas horas, o elefante bebê parecia estar desaparecendo rapidamente. O calor do sol piorou toda a situação e parecia que um fim brutal estava chegando. Os elefantes mais velhos ainda circulavam em volta do buraco. Mesmo que eles não pudessem suportar o momento de desespero, eles não iriam embora. No instante em que o elefante bebê pareceu fechar os olhos, a manada começou a gritar. Foi um grito estrondoso de profunda angústia.

Era quase impossível

Era quase impossível

Os sinais de alerta

Com um pequeno vislumbre de esperança, os elefantes mais velhos deram os seus sinais de alerta. Este som ensurdecedor é um dos ruídos mais comoventes que você pode ouvir. Se você estiver nas proximidades, esse sinal de alerta seria realmente difícil de ignorar. No momento em que os elefantes estão perturbados, eles emitem um som que, quando soados juntos, produz um ruído como o de uma trombeta. Vendo o membro mais jovem de seu rebanho sucumbindo lentamente à fadiga, eles começaram a alardear o mais alto que podiam. Todos juntos!

Os sinais de alerta

Os sinais de alerta

O grito da inspiração

Mesmo que um humano não possa entenderde modo fácil a linguagem dos animais, qualquer um certamente entenderia o apoio moral que a manada estava dando ao elefante bebê. Os elefantes mais velhos não podiam descer uma vez que não tinha espaço suficiente. Mesmo assim, eles tinham as suas vozes para gritar por ajuda. Para as mentes mais práticas, a ideia de elefantes esperando por um anjo da guarda para salvar o membro mais jovem de sua manada parece absurda. Ainda assim, essas feras enormes continuaram a enviar sinais de alerta, apesar de estarem exaustos com o calor. Eles simplesmente não podiam desistir. Não agora. 

O grito da inspiração

O grito da inspiração

A última tentativa para a vida querida

Mesmo depois de perder a maior parte de sua energia, a vontade do elefante bebê foi restaurada no instante em que ouviu o som ensurdecedor sendo feito pelo resto dos elefantes do rebanho. Era a sua maneira de mostrar preocupação e amor um pelo outro. Reunindo toda a sua força restante em seu corpo, o caído mais uma vez chutou seu caminho para fora do buraco. Mesmo assim, parecia que os lados escorregadios do buraco não permitiriam que o bebê elefante saísse tão facilmente. Com uma tentativa final, o infeliz elefante caiu de volta no buraco. Foi uma visão de partir o coração. Todos os elefantes viram a cena e continuaram a gritar. 

A última tentativa para a vida querida

A última tentativa para a vida querida

O estranho ruído à distância

A comunidade local se preocupava em ouvir sons altos à distância. No começo, eles não conseguiam descobrir de onde vinha ou o que era. Alguns pensaram que era trânsito, enquanto outros achavam que era algum tipo de música de longe. No entanto, no instante em que os barulhos estranhos continuaram, os moradores perceberam que algo estava muito errado. O som era incomum. Ainda assim, eles simplesmente não conseguiam descobrir o que poderia estar acontecendo.

O estranho ruído à distância

O estranho ruído à distância

Só tem uma maneira de descobrir

Mesmo que os moradores, no começo, estivessem com muito medo do barulho estranho, alguns deles decidiram tentar descobrir de onde ele vinha. O som parecia originar-se da floresta que ficava a mais de um quilômetro de distância. Os residentes foram em grupo e seguiram na direção das árvores. À medida que se aproximavam da origem do som, alguns dos residentes começaram a adivinhar o que poderia estar acontecendo. Mesmo assim, eles tinham que ser muito cautelosos.

Só tem uma maneira de descobrir

Só tem uma maneira de descobrir

O que a manada estava fazendo?

Por fim, os residentes chegaram a uma curva do rio de onde viram de onde vinha o estranho som. Estando perto o suficiente, os ruídos ensurdecedores se tornaram difíceis de suportar. Ainda assim, os residentes não recuaram. Eles podiam adivinhar que o barulho poderia estar vindo de elefantes, mas mesmo assim, eles não conseguiam entender o motivo pelo qual estavam emitindo aquele som estrondoso. Será que os animais selvagens encurralaram um animal perigoso? Os habitantes locais estavam cientes da existência de predadores felinos e imediatamente temeram por sua própria segurança.

O que a manada estava fazendo?

O que a manada estava fazendo?

Os locais precisavam se aproximar, mas ainda estavam preocupados

Ainda que os residentes estivessem completamente cientes de que predadores felinos poderiam matá-los em um piscar de olhos, eles simplesmente não podiam sair de cena sem descobrir o que fazia os elefantes selvagens gritarem daquele jeito por tantas horas a fio. O seu medo foi dominado pela sua curiosidade. À medida que mais e mais moradores entravam na floresta para descobrir a resposta, a parte mais corajosa do grupo decidiu se aproximar da cena. Eles sabiam que os elefantes selvagens poderiam atacar os humanos e feri-los caso quisessem. Mesmo assim, eles não pararam.

Os locais precisavam se aproximar, mas ainda estavam preocupados

Os locais precisavam se aproximar, mas ainda estavam preocupados

Os elefantes selvagens pareciam saber que havia ajuda por perto

Em circunstâncias normais, os habitantes locais jamais ousariam chegar perto dos animais selvagens. Sendo fiéis à sua natureza, eles sabiam que os elefantes selvagens protegeriam seu território e prejudicariam os seres humanos que eles pensavam que ameaçavam sua segurança. Mesmo assim, durante aquele momento específico, os elefantes selvagens não pareciam nem um pouco confusos e zangados. A presença dos habitantes locais parecia trazer-lhes um novo vislumbre de esperança.

Os elefantes selvagens pareciam saber que havia ajuda por perto

Os elefantes selvagens pareciam saber que havia ajuda por perto

Até mesmo os locais ficaram perdidos

Apesar de serem mais espertos do que os elefantes, os habitantes locais também ficaram bem surpresos. Por um tempo, eles só olharam para o elefante bebê que se debatia e para os membros enlutados do rebanho. Examinando a área, eles sabiam que não seriam capazes de levantar o filhote de elefante usando somente as mãos. Sabendo que não podiam simplesmente deixar o jovem elefante morrer dentro do buraco, os residentes decidiram informar as autoridades. Eles pensaram que os funcionários do governo teriam o equipamento certo para resgatar o pobre animal que estava preso.

Até mesmo os locais ficaram perdidos

Até mesmo os locais ficaram perdidos

O relógio continuava correndo

Ansiosos por salvar o animal preso, alguns dos habitantes locais foram até a cidade para pedir ajuda. Logo que a noite caiu, o bebê elefante parou de se mover. Ele ficou quieto no fundo do buraco, como se esperasse pacientemente pelo seu fim. Já estava escuro, mas tanto a manada de elefantes quanto alguns dos habitantes locais ficaram para esperar por ajuda. Todos eles esperavam que o elefante bebê pudesse aguentar até que os oficiais com a experiência e o equipamento adequados chegassem. Cada segundo que passava era pura tortura para o jovem elefante que já estava imóvel.

O relógio continuava correndo

O relógio continuava correndo

Por fim, uma caravana de carros chegou

O grupo de moradores pulou de alegria no momento em que avistaram carros vindo de longe. Até os elefantes mais velhos pareciam entender que a ajuda estava a caminho. Depois do que pareceu uma eternidade, a equipe de resgate chegou ao local do acidente. À medida que os habitantes locais cediam ao time, os elefantes ficavam bastante agitados. Ainda assim, eles não mostraram sinais de prejudicar os habitantes locais. Durante aquele momento, houve um entendimento mútuo. Ambas as partes não queriam nada além de salvar o pobre bebê elefante.

Por fim, uma caravana de carros chegou

Por fim, uma caravana de carros chegou

O primeiro reforço não foi suficiente

A equipe de resgate que entrou no local se identificou como oficiais da floresta e da vida selvagem. Para poderem encontrar a melhor estratégia para salvar o pobre elefante, eles tiveram que avaliar a cena. Isso significa que alguns dos residentes tiveram que se mudar. Até mesmo a manada de elefantes teve que ser redirecionada para algum lugar também. Logo depois de uma análise mais aprofundada, a equipe de resgate percebeu que a situação exigia equipamentos ainda mais graves. Não foi tão simples quanto eles estavam imaginando. Um dos policiais teve que voltar à cidade e pedir o apoio adicional. A situação não seria resolvida em somente um dia.

O primeiro reforço não foi suficiente

O primeiro reforço não foi suficiente

A Agonia Prolongada

Como a situação não era normal naquele extremo sul da Índia, os reforços de reserva precisaram ser organizados primeiro na cidade antes de serem enviados para a floresta. O bebê elefante, mais uma vez, teve que esperar. Ao cair da noite, os outros moradores e autoridades decidiram ficar junto com a manada de elefantes. Se o grupo de feras podia esperar pacientemente, o mesmo poderia acontecer com os humanos que queriam resgatar o bebê elefante tanto quanto a sua família. A noite tornou-se madrugada e um novo dia se iniciou.

A Agonia Prolongada

A Agonia Prolongada

Os reforços pesados ​​finalmente chegaram

Sentindo-se impacientes e muito exaustos, os moradores e funcionários puseram-se de pé ao ouvir o barulho distante de veículos. O oficial de vida selvagem enviado à cidade trouxe outra equipe de resgate. Mas desta vez, eles tinham uma escavadeira gigante a reboque. Mesmo que tivesse ferramentas adicionais que poderiam usar para a missão de resgate, os oficiais de vida selvagem ainda teriam que descobrir qual seria a melhor maneira de levantar o elefante sem arriscar mais a sua jovem vida. Pois bem, quanto mais eles olhavam, pior a situação parecia.

Os reforços pesados ​​finalmente chegaram

Os reforços pesados ​​finalmente chegaram

Custe o que custar

O bebê elefante estava no buraco já fazia mais de um dia. Já eram sete da manhã do segundo dia no momento em que a equipe de resgate começou oficialmente. A julgar pelas ações dos elefantes mais velhos da manada, eles queriam que o elefante bebê voltasse à terra o mais rápido possível. Vendo o apego e os sentimentos dos animais selvagens, os resgatadores se sentiram mais determinados do que nunca a levantar o elefante bebê vivo mas sem forças. Eles queriam salvar o pobre animal custe o que custar.

Custe o que custar

Custe o que custar

A área teve que ser controlada

Com a presença de maquinários pesados adequados ​​e funcionários da cidade, cada vez mais moradores locais ficaram curiosos e foram para a área. Ainda assim, os socorristas tiveram que impedi-los de chegar muito perto, uma vez que a situação era bem grave e teve que ser tratada com cuidado. Os elefantes adultos normalmente pesam cerca de uma tonelada. Ainda que os oficiais só tivessem que resgatar um elefante bebê, ele ainda pesava entre 180 e 180 quilos. Mesmo que duas pessoas fortes teriam dificuldade em lidar com a situação. O equipamento deve ser usado da maneira mais cuidadosa e adequada possível. No entanto, com o tempo contra eles, era mais fácil falar do que fazer a difícil tarefa.

A área teve que ser controlada

A área teve que ser controlada

Os especialistas começaram a fazer os seus trabalhos

Os oficiais da vida selvagem decidiram usar a escavadeira. A lama tinha alojado o bebê elefante de maneira muito sólida. É claro que os resgatadores não eram amadores e descobriram maneiras de remover a lama sem arriscar ainda mais a vida do jovem elefante. O operador da escavadeira começou a cavar e a remover um monte de lama e sujeira que cercava o elefante bebê. Eles precisavam ampliar o espaço para que o animal caído pudesse, por fim, se mover. No entanto, o bebê não poderia ser levantado assim, mesmo que eles criassem espaço o suficiente para isso. Em vez disso, eles trabalharam na criação de um caminho a partir da fenda. O trabalho demorou algumas horas.

Os especialistas começaram a fazer os seus trabalhos

Os especialistas começaram a fazer os seus trabalhos

Devagar mas seguro

Durante o tempo em qu os outros locais não conseguiam entender por qual motivo os resgatadores não apenas levantavam o elefante bebê usando a artilharia pesada, eles somente continuaram a olhar e gritar. Os oficiais da vida selvagem definitivamente sabiam o que estavam fazendo. Parecia que os elefantes mais velhos estavam completamente cientes do que estava acontecendo diante daquela situação. Eles até deram lugar à grande máquina. O equipamento era barulhento e fazia o solo vibrar com a sua força. Ainda assim, nenhum elefante da manada parecia ficar tenso ou nervoso. Tudo o que importava era a segurança do membro mais jovem da manada.

Devagar mas seguro

Devagar mas seguro

A Terra Parecia Cooperar

Como existia muita lama e sujeira para cavar, criar até mesmo um pequeno caminho para que o elefante bebê pudesse rastejar para fora revelou-se um trabalho bem complicado. Eles tinham que ter cuidado para que a lama e a sujeira que estavam sendo removidas não caíssem de volta dentro do buraco, caso contrário, o primeiro plano teria que ser abandonado. Sendo assim, ao invés de retirar o máximo de sujeira que a escavadeira pudesse, os socorristas tiveram que ser super pacientes.

A Terra Parecia Cooperar

A Terra Parecia Cooperar

Os locais decidiram dar uma mão amiga

Vendo que a escavadeira já tinha criado espaço o suficiente para o bebê elefante se mover, os moradores decidiram se juntar à complicada missão de resgate. Alguns dos homens locais mais fortes se ofereceram para marcar a área onde a escavadeira precisava cavar. Vendo todos trabalhando juntos, o elefante bebê deve ter sabido que iria sobreviver. Vendo que ele estava ansioso para lutar por sua vida mais uma vez, o resto da manada de elefantes andou de um lado para o outro em sinal de apoio. Todos os elefantes do grupo não saíam de perto do bebê.

Os locais decidiram dar uma mão amiga

Os locais decidiram dar uma mão amiga

Paciência é uma virtude

Os agentes da fauna bravia, apesar da presença do equipamento pesado, ficaram maravilhados com a ajuda extra prestada pelos residentes locais. Um oficial foi designado para dar ordens organizadas ao povo. Um movimento errado e todo o esforço já despendido poderia ser desperdiçado. Os voluntários locais tiveram que ser extremamente cuidadosos para não arriscar a sua própria segurança. Alguns forneceram alimentos para a equipe de resgate e a missão aos poucos se transformou em um lindo projeto comunitário.

Paciência é uma virtude

Paciência é uma virtude

A escavadeira tornou tudo mais fácil

Ainda que o barulho da grande peça da máquina fosse muito perturbador, os elefantes selvagens continuaram a observar com admiração. Era o segundo dia e a manada ainda estava intacta. A visão deles esperando pacientemente por seu elefante bebê inspirou os moradores e as equipes de resgate a continuar os seus esforços. A escavadeira foi, em última análise, o seu salvador. Se não fosse por aquele equipamento super pesado, os moradores se cansariam de cavar a lama e a sujeira com as próprias mãos e pás. Embora o processo já estivesse demorando muito, os funcionários não se sentiram tentados a apressar as coisas. Uma vez que eles queria fazer tudo do jeito correto. 

A escavadeira tornou tudo mais fácil

A escavadeira tornou tudo mais fácil

Um inesperado problema

Durante o tempo em que as pessoas estavam ocupadas trabalhando em suas tarefas designadas, a parada repentina do barulho ensurdecedor assustou a todos. Todos eles olharam para a escavadeira. Parecia que algo estava muito errado. O operador da escavadeira ligou o motor do equipamento pesado. Ainda assim, nada aconteceu. Foi como se o pior pesadelo se tornasse realidade. Como isso poderia ter acontecido?

Um inesperado problema

Um inesperado problema

Uma infeliz falha de motor

Olhando para a escavadeira, alguns dos funcionários deduziram que o motor teria superaquecido. Havia fumaça saindo da máquina. Estava funcionando há horas e o modelo mais antigo da escavadeira parecia ter desistido. Para a felicidade de todos, alguns dos voluntários locais sabiam uma ou duas coisas sobre conserto de motores. Eles vieram para a frente e se ofereceram para ajudar. Eles sabiam como o tempo era crucial nessa tão importante missão de resgate.

Uma infeliz falha de motor

Uma infeliz falha de motor

O resgate teve que parar por um tempo

Os funcionários tiveram as ferramentas necessárias e o trabalho de reparo reiniciado. Alguns dos resgatadores e voluntários descansaram um pouco, uma vez que a missão de resgate foi extremamente cansativa. Havia lanches e bebidas fornecidos por alguns outros residentes locais preocupados. Nesse ínterim, o elefante bebê teve que esperar mais uma vez. Como eles entenderam um pouco a situação, os elefantes mais velhos começaram a gritar mais uma vez. Para acalmá-los, alguns dos resgatadores se aproximaram do elefante bebê para garantir que ainda estava bem. Para a felicidade de todos, o bebê elefante ainda estava segurando a sua tão preciosa vida.

O resgate teve que parar por um tempo

O resgate teve que parar por um tempo

A mecânica tinha que ser rápida

Os mecânicos voluntários dos residentes locais passaram a fazer o trabalho. Mas depois de uma análise mais aprofundada, eles descobriram que um reparo apressado não funcionaria. O problema do motor levou um tempo considerável para ser corrigido. Mais uma hora se passou e os mecânicos ainda não estavam perto de consertar a máquina. Outro voluntário local veio à frente e deu sugestões para que a escavadeira pudesse voltar a trabalhar. Os elefantes selvagens começaram a bater os pés, mais uma vez. Os voluntários estavam trabalhando no reparo o mais rápido que podiam. Os habitantes locais não podiam esperar, mas parecia que a manada de feras também não podia esperar. Durante o tempo em que alguns deles pararam de gritar, outros elefantes foram vistos andando de um lado para o outro. A ansiedade de suas ações era visível e os moradores locais tiveram que manter as suas guardas levantadas. Além do medo de serem atacados pelos elefantes adultos, eles sabiam que a vida do jovem elefante dependia totalmente deles.

A mecânica tinha que ser rápida

A mecânica tinha que ser rápida

Um Reparo Bem Sucedido

Com as suas idéias e esforços combinados, os mecânicos conseguiram colocar o motor em funcionamento mais uma vez. Houve uma ovação do público. No mesmo instante, a missão de resgate estava de volta à vida. Os moradores e as equipes de resgate tiveram descanso adequado e foram reenergizados e prontos para trabalhar novamente. Eles voltaram para os seus lugares designados e as ordens foram dadas. Ficou evidente para todos que nada poderia detê-los agora. Mesmo que havia muita sujeira e lama para cavar a fim de criar um caminho para o pobre elefante. Por mais que quisessem apressar as coisas, eles não poderiam fazer isso uma vez que o operador da escavadeira tinha que ser extremamente cauteloso. O conserto da escavadeira era temporário e eles não poderiam correr o risco de superaquecer o motor mais uma vez.

Um Reparo Bem Sucedido

Um Reparo Bem Sucedido

Sem tempo para perder

O plano original foi desviado para a criação de uma trincheira. Eles tinham como o principal objetivo empurrar o elefante em direção ao solo firme. A equipe de resgate teve que fazer isso uma vez que ficou perceptível que o elefante bebê havia perdido toda a sua energia desde o momento em que estava preso dentro do buraco. Alguns dos oficiais tiveram que alertar os habitantes locais para serem cautelosos e vigilantes com os animais selvagens. Ninguém tinha pensado que a missão de resgate levaria tanto tempo, apesar de todos darem o seu melhor. Os elefantes deixaram claro que queriam que tudo acabasse o quanto antes. Mais uma vez, um som ensurdecedor pode ser ouvido em toda a floresta e até mesmo na comunidade local. Com essa pressão adicional em torno dos salvadores, a sua energia e entusiasmo pareceram dobrar.

Sem tempo para perder

Sem tempo para perder

Um final feliz

À primeira vista, a situação parecia fácil. Uma vez que havia uma escavadeira, várias pessoas ao redor e muitas ferramentas e pás. Mesmo assim, foi necessário um enorme esforço da equipe de resgate e voluntários para, por fim, salvar o pobre elefante. A missão iniciada na noite anterior, por fim, terminou na tarde seguinte. Depois do que pareceu uma eternidade, os resgatadores foram capazes de criar espaço suficiente e um caminho para que o elefante bebê pudesse sair. A manada de elefantes assistiu com muita admiração durante o tempo em que o pobre bebê lutava para se levantar, desta vez, com energia e determinação renovadas.

Um final feliz

Um final feliz

A Gloriosa Reunião

Os locais não estavam acostumados a estar tão perto das feras. Mesmo assim, durante aquele momento, o coração de todos se encheu de alegria enquanto observavam o bebê elefante caminhar, de modo lento, em direção a sua família. Os pais do membro mais novo se aproximaram e demonstraram todo o seu afeto. A emoção admirada estava no ar e era muito lindo de testemunhar. Durante o tempo em que a multidão gritava pela tão esperada reunião, a manada de elefantes começou a mostrar a sua apreciação e alegria. Eles choraram em uníssono, mas dessa vez, não eram gritos de tristeza.

A Gloriosa Reunião

A Gloriosa Reunião

Nunca mais

Durante o tempo em que os elefantes adultos circulavam ao redor do membro mais jovem e querido do rebanho, os habitantes locais observavam com puro espanto e alívio dentro de seus corações. Durante aquele momento, os socorristas e os moradores perceberam que até os animais vivenciam muitas emoções em suas vidas. Enquanto eles se amontoavam através do rio, os elefantes mais velhos se certificaram de que o infeliz acidente não aconteceria mais uma vez. Eles guiaram o pequeno, de modo paciente, até que ele cruzou a propriedade com enorme sucesso.

Nunca mais

Nunca mais

Um instante de pura felicidade

Depois de ficar preso em um buraco de lama por quase um dia inteiro, foi incrível ver a expressão de felicidade no rosto do bebê elefante. A manada estava radiante de alegria e todos viram a profundidade do apego e preocupação que todos tinham uns pelos outros. Alguns dos habitantes locais continuaram a observar a manada enquanto eles se afastavam em direção à floresta. Alguns dos espectadores até choraram. No entanto, essas foram lágrimas de alegria. Mesmo com a missão de resgate concluída, ninguém na área quis partir de imediato. Eles estavam vendo os frutos de seu trabalho: uma manada amorosa de elefantes selvagens acariciando-se suavemente como se fossem os animais mais vulneráveis ​​de todo o mundo.

Um instante de pura felicidade

Um instante de pura felicidade

Tempo de Partida

Visivelmente, o bebê elefante estava gostando da atenção dada pelo resto da manada. Foi uma experiência agonizante. Ainda assim, a família jamais saiu e esperou pacientemente até que a ajuda de um lugar inesperado chegasse. Ao longo de toda a provação, os elefantes provaram o quanto valorizavam cada membro de seu grupo. Os elefantes selvagens tiveram que prosseguir e continuar a sua jornada. Eles não foram capazes de comer ou beber durante toda a provação. Os elefantes precisavam reiniciar a sua jornada imediatamente. Mais do que qualquer outra pessoa, os elefantes adultos sabiam o quanto o elefante bebê precisava desesperadamente de comida e de água. O bebê elefante tinha perdido uma quantidade incrível de força e energia durante aquela dura provação. Foi então que as feras enormes começaram a se alinhar.

Tempo de Partida

Tempo de Partida

Caminhando com o máximo cuidado

Mesmo que a manada de elefantes tenha cruzado o rio inúmeras vezes, eles descobriram que ainda tinham que tomar precauções, principalmente quando havia um bebê no grupo. As suas ações mostraram que eles não queriam experimentar a mesma coisa mais uma vez. O bebê elefante caminhou entre os elefantes maiores. Os pais constantemente estavam de olho no membro mais jovem da manada. Cada passo dado foi preciso. Os habitantes locais sentiram que estavam assistindo a um belo show. Mesmo assim, eles sabiam que os elefantes não eram domesticados e que tudo o que faziam era por preocupação com a sua espécie.

Caminhando com o máximo cuidado

Caminhando com o máximo cuidado

A Atitude de Gratidão

Os habitantes locais passaram mais de um dia com os animais selvagens. Exaustos como estavam, a visão dos animais felizes parecia tirar todo o cansaço. Eles queriam vigiar a manada até que os animais estivessem fora de vista. Logo que os animais chegaram do outro lado do rio, uma coisa incrível ocorreu. Todos eles viraram a cabeça como se estivessem se despedindo. Ainda assim, os locais sabiam mais. Os elefantes olharam para trás para agradecer. A multidão de observadores sempre se lembraria daquele lindo ato de gratidão.

A Atitude de Gratidão

A Atitude de Gratidão

Mais Uma Surpresa

Bem como eles achavam que já haviam visto de tudo, os moradores se assustaram mais uma vez. Os elefantes selvagens formaram uma linha. Os observadores pensaram que estavam somente descansando mais uma vez. Um por um, os elefantes selvagens ergueram suas trombas. O que poderia estar acontecendo aqui? Veja bem, houve um momento de confusão.

Mais Uma Surpresa

Mais Uma Surpresa

A saudação das trombas

Ainda que existam animais que podem facilmente mostrar o seu apreço pelos humanos, ninguém na multidão esperava como os animais selvagens reagiriam depois daquela dura missão de resgate. Eles pensaram que simplesmente iriam embora com o elefante bebê e voltariam ao seu modo de vida tradicional. No entanto, no momento em que eles olharam novamente, os elefantes estavam erguendo as suas trombas e emitindo um som de trombeta. O som era alegre e a visão era rara. As feras estavam dando uma linda saudação aos salvadores. Foi mais do que suficiente. Os espectadores ficaram totalmente sem palavras.

A saudação das trombas

A saudação das trombas

Um dia inesquecível

A multidão de espectadores riu uns com os outros e se parabenizou pelo que eles haviam acabdo de alcançar. Eles sabiam que todos na área deram tudo de si para salvar o filhote de elefante. A saudação dos enormes animais foi completamente impagável. Os agradecidos elefantes continuaram em sua procissão. No entanto, naquele dia, todos sabiam que o que aconteceu ficaria em suas memórias para todo sempre. A manada de elefantes selvagens começou a parecer cada vez menor aos olhos dos moradores. Eles começaram a entrar dentro das florestas. Ninguém sabia quando eles seriam capazes de chegar tão perto das feras como naquele dia. Os moradores ficaram do outro lado do rio até que o último elefante sumisse de vista. Eles tinham passado uma quantidade considerável de tempo na missão de resgate e, mesmo assim, seus corações estavam repletos de felicidade. Uma vez que cada segundo valeu a pena.

Um dia inesquecível

Um dia inesquecível

Os elefantes são criaturas muito apreciadas na Índia

Mais da metade dos elefantes em todo o continente asiático vivem dentro da Índia. Essas feras são criaturas muito queridas para o povo indiano e estão por toda parte no país. Considerando o tamanho da Ásia, você pode imaginar o número de elefantes que vivem nesta área. Há elefantes domesticados em quase todos os lugares e 20% deles desempenham papéis importantes no comércio local. Só por esse motivo, os indianos dão importância ao bem-estar e à sobrevivência dos enormes animais. Além de ajudar na sua vida, os elefantes também estão intimamente ligados à cultura e religião do país. Quem sabe isso explique por quoal razão os habitantes locais não puderam ignorar o grito de ajuda dos grandes animais.

Os elefantes são criaturas muito apreciadas na Índia

Os elefantes são criaturas muito apreciadas na Índia

Uma linda mensagem

No momento em que todo o trabalho foi concluído, os funcionários responsáveis ​​pela vida selvagem deram uma mensagem de agradecimento a todos os voluntários locais. Os funcionários ficaram felizes uma vez que as pessoas comuns não pensaram duas vezes antes de ajudá-los e ao pobre animal bebê. Apesar de alguns deles terem perdido um dia de trabalho, o ambiente era leve e de muita alegria. As pessoas apertaram as mãos antes de irem para casa. Era uma ocorrência rara na aldeia e os moradores sabiam que contariam a seus filhos o que aconteceu nesse dia nos anos seguintes.

Uma linda mensagem

Uma linda mensagem

ANÚNCIO